É UM MAR QUE LEIO, QUE É LIDO

 

Mare nostrum 

Esse é um mar que vai, que é ido. 
Mais que visto, investido, mergulhado 
mar de espaço, mar sem margens. 

Esse é o mar que foi, que é sido. 
Mais que olhado, sofrido, navegado 
mar de março, mar de viagens. 

É o mar que tenho, que é tido. 
Mar velho, recebido entre mil ventos, 
lenhos, lanças, cruz de panos. 

É um mar que leio, que é lido. 
Escrito mar medido entre outros verbos, 
alta voz de mil arcanos. 

Esse mar em que nasço e sou nascido. 

Izacyl Guimarães Ferreira
Fotografías de © Skvadim

Comentarios